Agronegócio apresenta grande influência no PIB do E.S

por Secom

Dados do Instituto Jones dos Santos Neves (IJSN) e da Secretaria de Estado de Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca (Seag) apontam que, em 2009, o PIB do Agronegócio do Espírito Santo foi de R$ 20,7 bilhões de reais, o que correspondeu a 30% do PIB total do Estado, crescendo 3,2% no período de março de 2009 a março de 2010. Em 2007, esse percentual também foi de 30%, enquanto no Brasil, o percentual de participação é de 25%. Esses foram os principais dados divulgados nesta quarta-feira (19), que podem ser reforçados na tabela ao lado:

A divulgação preliminar do PIB do Agronegócio compreende o período do 1º trimestre de 2004 ao 1º trimestre de 2010. O PIB do Agronegócio foi calculado pela ótica do produto, a preços de mercado e subdividido em quatro agregados: Agregado I – Insumos para agricultura e pecuária; Agregado II – os setores tradicionais da agricultura e pecuária; Agregado III – indústrias de base agrícola; Agregado IV – transporte, comércio e serviços referentes à distribuição final dos produtos agrícolas.


A partir da pesquisa realizada pelo IJSN é possível perceber que tanto o PIB total do Agronegócio do Espírito Santo, quanto seus agregados vêm adquirindo um padrão de crescimento contínuo ao longo do período analisado. Observe o gráfico ao lado:

FOTOINTERNA1
A divulgação preliminar trimestral do PIB do Agronegócio capixaba, realizado a partir deste ano pelo IJSN, é fundamental, uma vez que este é um setor muito importante no Estado, em especial para aqueles que vivem no interior e praticam atividades agrícolas. Além disso, o conhecimento em relação ao PIB do Agronegócio permite saber quais as regiões são mais afetadas pelo setor, e, a partir disso, desenvolver políticas que promovam a interiorização de seu desenvolvimento.


De acordo com a diretora-presidente do Instituto Jones dos Santos Neves, Ana Paula Vescovi, o Agronegócio possui ciclos mais estáveis em relação à economia capixaba e por isso funciona como um amortecedor de ciclos no Espírito Santo. Ainda segundo Ana Paula, "a base do agronegócio capixaba está na agropecuária. O PIB aumentará à medida que a agropecuária se fortalecer no Estado".


O secretário estadual de Agricultura, Enio Bergoli, destacou a importância do agronegócio para a economia capixaba. "Podemos dizer que em relação ao peso econômico, o agronegócio é mais importante para o Espírito Santo do que para o Brasil. O setor dá uma contribuição significativa para o desenvolvimento do estado, tanto na produção agrícola e agroindustrial, como na geração de emprego, chegando a mais de 300 mil postos de trabalho", explicou.

Data de Publicação: sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Receba novidades sobre assuntos da Câmara

Endereço:
Ladeira Ute Amélia Gastin Pádua, nº 150 - São Tarcísio
Afonso Cláudio – ES - CEP: 29600-000


Telefone:
(27)3735-1234/3735-1954
E-mail:
cmac@cmac.es.gov.br

Horário de Funcionamento:
Segunda a Sexta das 7h às 13h

Dia e Horário das Sessões Plenárias:
Todos os dias 10, 20 e último dia útil do mês, às 9 horas

CÂMARA MUNICIPAL DE AFONSO CLÁUDIO - ES
Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com as condições contidas nela.